Brincar com sons
Juntar letras
Formar palavras
Descobrir a sonoridade e o nome de tudo
Que está no mundo
nas coisas
no pensamento.

Ler é tão bom!

Poder viajar
Conhecer mundos de ontem
de hoje
de amanhã.
Imaginar.
Criar.
Sonhar.
A leitura permite isso e muito mais
Pois ler é tão bom!

terça-feira, 1 de setembro de 2020

Enfim, Setembro!


Enfim, Setembro!
Deste ano intenso para a humanidade
Pandemia. Novo coronavírus. Covid-19.
Quarentena. Isolamento social. 
Fome. Desemprego. DESgoverno.
Preconceito. Racismo. Violência.
Tudo junto. Misturado. Rolo compressor. 
Cotidianamente. 
Vivências deste Tempo.

Enfim, Setembro de 2020!
Tempo de Resistência. Resiliência. Empatia.
Há Tempo. É Tempo.
Tempo de Gratidão, de Fraternidade.
Sem alienação.
Há Tempo. É Tempo.

Olinda/PE 01.09.2020

Amanheceu Setembro de 2020. Logo cedinho lembrei de alguns versos da 
música “Estão chegando as flores”. Enquanto cantarolava, a ideia de um exercício de escrita autoral para este mês foi se desenhando. Flores. Literatura. Música. Pintura. Artes Visuais. O que possa contribuir para motivar um olhar de Esperança. Dia a dia. 

A música Estão voltando as flores, de Paulo Soledadesurgiu após uma grave enfermidade do compositor, que expressou na letra
sua Esperança e Gratidão à Vida! Desde 1951, teve várias gravações. Uma 
belezura da Música Popular Brasileira.
Estão voltando as flores
Paulo Soledade

Vê, estão voltando as flores
Vê, nessa manhã tão linda
Vê, como é bonita a vida
Vê, há esperança ainda
Vê, as nuvens vão passando
Vê, um novo céu se abrindo
Vê, o sol iluminando
Por onde nós vamos indo
Por onde nós vamos indo

quinta-feira, 20 de agosto de 2020

Encontros Virtuais em tempo de pandemia

As lives, que prerifo chamar de  ENCONTROS VIRTUAIS , estão cada vez mais frequentes neste tempo de pandemia do novo coronavírus e da Covid-19.

Por conta do confinamento social preciso e cada vez mais difícil de ser vivenciado, tal o desejo/necessidade de se voltar ao normal, ainda que, ao novo normal como se tem chamado ao período do pós-pandemia, ainda num vir, os Encontros Virtuais são alento, sim.

Opções várias de Encontros Virtuais, tenho focado nos de Literatura e neles encontro e reencontro Escritoras e Escritores queridas e queridos! Aprendizagens! Encantamentos! Belezuras! E muita Gratidão!


sábado, 18 de julho de 2020

Em tempos de pandemia!

Mais de ano desde a derradeira postagem que fiz 
neste blog,  onde destaco as minhas 
experiências profissionais e de minhas leituras. 
Relatei, naquela ocasião, a visita ao Museu do Trem, 
numa Atividade Cultural do PMBFL e que coincidiu com meu natalício em 2019. Uma linda lembrança!


Mas, e agora?
Em tempos de pandemia! o Tempo tem uma relatividade ainda maior, pois que o Hoje é o foco da Vida. Tragédia mundial jamais pensada ser vivida, que se confirmou no início do ano. E pra nós, do Brasil, desde março.  
Contabilizando quase 78 mil mortes no dia de hoje! 
Quase 78 mil mortes de brasileiras e brasileiros! 
Incontáveis famílias enlutadas!

Querendo reativar o blog, 
como já (me) prometido em outras ocasiões, 
não poderia trazer outro temática...

Sem saber como, 
só posso desejar o fim desta pandemia do coronavírus 
no Brasil e no Mundo Inteiro!
Meus sentimentos a todas e todos enlutados!
Que as pessoas doentes da Covid 19
possam se curar!
Que a Vida seja plena e abundante!

FICA EM CASA!!!

sexta-feira, 7 de junho de 2019

Visitando o Museu do Trem


Visitando o Museu do Trem

 
E pensar que a malha ferroviária foi desativada... os poucos metrôs são amostra do que representaram como meio de transporte, até meados da década de 1980... Lamentável! Desmonte!!! 
Estive no Museu do Trem, antiga Estação Ferroviária do Recife no último dia 22 de maio. 
Vivenciei como um presente de aniversário! 
Já tinha estado na Estação de Trem, na única viagem que fiz, por volta dos meus 6 ou 7 anos. De Recife a Garanhuns ou Canhotinho. Não sei precisar...
Gostei da emoção de visitar o Museu do Trem. Recomendo...

(Publicado inicialmente no face, em 24.05.2019)









terça-feira, 4 de junho de 2019

Junho


J já há festas juninas
U unindo gerações N num ciclo que é só alegria H hoje, ontem e sempre O orgulho nordestino! (Olinda/PE. 03.06.2019)

sábado, 11 de maio de 2019

Comunico a 
descontinuidade de atualizações deste blog
que está vinculado ao meu nome.
Produto de uma Oficina de Blog Literário durante o 
7º Festival Recifense de Literatura/2009 
e pretendia colaborar na fomentação da rede 
de leitura e escrita do Recife, a RELER, 
e do PMBFL-Programa Manuel Bandeira de Formação de Leitores.

Naquela quarta-feira, 02/11/2009 
no primeiro post, escrevia:

LER E ESCREVER EM REDE por quê? 
Porque pretende ser um espaço de socialização de leituras e escritas diversas compartilhadas pelo grupo de Mediadores/as de Leitura e de Professoras/res de Biblioteca no cotidiano das escolas municipais. Pretende, ainda, fomentar o uso da internet nas reflexões, discussões e comunicações desse grupo, mesmo após o período dessa Oficina.

Naquele ano mesmo, foi criado pelo próprio PMBFL o seu blog
cuja periodicidade e atualização é contínua.

Um meio de comunicação entre a equipe PMBFL, Professoras e Professores de Biblioteca e as ações com estudantes das escolas municipais do Recife em prol do Letramento Literário.

Juntamente com o face 
prog manuel bandeira pmbfl
informam, divulgam e comunicam belezuras.
Descontinuando um espaço que sempre escrevi com muito carinho e respeito.

Mantendo os outros dois blogs autorais:
e
 (Ler é tão bom)

Descontinuidade de atualizações:

Tempo

Tempo
Thelma Regina Siqueira Linhares

Tempo
Há tempo
Tempo tem
Ah! Tempo
Tempo passado: Memórias. História.
Tempo presente: Vida que há.
Tempo futuro: Esperança. Resiliência.
Em Tempo: Agradecimentos!

(Olinda/PE. 03.07.2018)